“O IFRIT” em 1001 caracteres

ifritComo um demônio que brota no ermo; uma ventania fantasmagórica rompe a quietude escaldante em um mar de areia, ergue-se como um gênio recém liberto de sua prisão por algum incauto viajante que; vislumbrado por uma urna encantada, a abre em busca de tesouros fabulosos.
Mas não há tesouros, apenas um Ifrit; de temperamento infernal e hálito escaldante, na forma de uma tempestade que segue, veloz e furiosa. Ela avança por centenas de quilômetros acompanhada por relâmpagos e trovoadas, sufocando rebanhos de cabras, evaporando riachos e lagos nos oásis por onde passa, escavando terrenos baixos e fazendo brotar ali novas nascentes. As pequenas criaturas escavam túneis, onde buscam abrigar-se deste Ifrit voraz que caminha como uma grande muralha de detritos; uma nuvem de sedimentos que lança às sombras aquilo que encontra pela frente.
Apenas quem conta com a sabedoria dos povos acostumados aos espíritos do deserto; e seu temperamento, sabem como sobreviver à sua ira.
Esta é a Tempestade de Areia!
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s